Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
SONS DA LIBERDADE

SONS DA LIBERDADE

Música & Festivais | Música

C. Cultural Vila Flor

Grande Auditório
Classificação Etária
Maiores de 6 anos
Bilhete Pago
Todas as Idades
2018
abr
24
Realizado

Produtor

Município de Guimarães

Breve Introdução

24 de abril, terça-feira 22h00 Concerto Sons da Liberdade
Banda da Sociedade Musical de Pevidém
Cineclube de Guimarães
Grupo Coral de Azurém
Grupo Coral de Pevidém
Grupo Coral de Ponte
Orfeão de Guimarães
Orfeão do CCD Coelima
Solistas convidados
Direção Artística: Vasco Faria
Grande Auditório do Centro Cultural Vilas Flor

Sinope
Como é que da política se chega à música e da música à consciência? Eu acho que as coisas podem estar ou não ligadas, depende do lado para onde estivermos virados. Mas o que é preciso é criar desassossego.
José Afonso
Ao falarmos de música e liberdade, inevitavelmente o primeiro nome que nos vem à memória é o de José Afonso, ou Zeca, simplesmente.
Do incondicional apego deste grande artista à liberdade e à luta contra a ditadura derrubada em 25 de Abril de 1974, todos os portugueses saberão um pouco. Mas serão talvez menos aqueles que conhecem o seu espirito altruísta e generoso.
A cidade de Guimarães foi, por diversas vezes, antes e após o 25 de Abril, palco das suas atuações. Nestas deslocações à nossa cidade, várias pessoas puderam testemunhar o seu desprendimento material ao não exigir qualquer remuneração. E, por absoluta necessidade, quando teve de o fazer, foi como que a pedir desculpa. Alguns vimaranenses que com ele contactaram bem o sabem.
Recordar José Afonso não é apenas identificá-lo com Grândola, Vila Morena, mas antes olhá-lo como músico, poeta e cidadão, na plenitude da sua genial obra, que é parte fundamental da cultura portuguesa.
No habitual Concerto de 25 de Abril, Sons da Liberdade, presta-se este ano homenagem a José Afonso, na sua multifacetada obra, a qual não deve ser redutoramente chamada de música de intervenção.
A perenidade do seu legado artístico comprova-se também pela forma como as novas gerações vão cantando as suas canções.

Partilhar

Serviços Adicionais

Veja ainda:

Mercado da Segunda Mão

Formação & Educação | Feira

Mercado Municipal GMR

Terrado do Mercado